Nova espécie



Desta vez não resisto a falar de uma espécie que aparece cada vez mais nos últimos anos, chamada Emigrantus francesus. Migram para o nosso território nesta altura e trazem as numerosas crias nascidas lá fora. Aliás, esta deve ser a única espécie que está em locais mais frios no Inverno (i.e. "na França") e mais quentes no Verão. Distinguem-se da espécie local porque falam alto e em Francês, mas os membros do mesmo bando podem ser apanhados a falar Português entre si pelo observador atento e persistente. Pode-se tornar agressivo se perturbado, principalmentre quando está ao volante do BMW/Mercedes/Audi que trouxe do estrangeiro. Não posso deixar de lhes achar piada, por muito irritantes que sejam ;)

4 comentários:

eco_bio_veg disse...

Fartei-me de observar destas aves raras em Trás-os-Montes. Cuidado com os voos rasantes e de alta velocidade que estes despassarados fazem no IP4. E palram, palram, palram. Conseguem que locais anteriormente paradisíacos como praias fluviais desérticas, se tornem em locais mais insuportáveis e barulhentos que a cidade de Lisboa.

Ricardo disse...

São adoráveis quando comunicam de forma clara e aos berros trocando frases como esta..."Maria vien ici!" e posteriormente quando a criança não obedece..." Vem cá Maria ou ainda apanhas na tromba!"

Beijinhos Grandes e Abraços apertadinhos***!!

Estrela do mar disse...

...mas muitas vezes são mesmo irritantes:)...


Bjos

Isabel Mar disse...

Sim, e então quando eu estou na praia ... adoro mar... e eles chegam com a ninhada completa e instalam-se quase em cima de mim -que quando não estou a nadar, tou a tentar ler- e começam aos gritos e saltos, levantando a areia para cima de mim... enfim... lol