Os prazeres da carne


Saiu ontem no The Guardian um artigo extremamente claro sobre a relação entre o estilo de vida de uma parte da humanidade, os danos ambientais e a fome que a outra parte da humanidade passa. Chama-se "If You Care About Hunger, Eat Less Meat" - não podia ser mais directo, e foi escrito por George Monbiot (jornalista internacional que faz investigação na àrea do ambiente).




E fica aqui um bocadinho traduzido, para abrir o apetite:

«Enquanto que 100 mil toneladas de comida vão ser desviadas este ano para alimentar carros [biodiesel], 760 mil toneladas vão ser rapinadas da boca de seres humanos para alimentar animais (Ref:Food and Agriculture Organisation, April 2008. Crop Prospects and Food Situation, http://www.fao.org/docrep/010/ai465e/ai465e01.htm). Esta quantidade podia compensar o defice de alimento global 14 vezes. Se se importa com a fome, coma menos carne. »

Podem ler o artigo inteiro aqui [blog do autor] ou aqui [The Guardian].


1 comentários:

Irina disse...

Propostas para quem quer arrepiar caminho e comer sustentavelmente:

http://www.takeabite.cc/
http://www.meatlessmonday.com/