Diários da Invicta (I)



Passadas as duas semanas iniciais, tenho que admitir que adoro o ambiente descontraído do Porto e que este é o único sítio até agora onde dá menos complicação dizer que sou de Samora Correia do que de Lisboa (que é o que normalmente faço, para descomplicar, sabem lá as pessoas onde é Samora Correia).

Entretanto já aprendi mais coisas novas, o que só prova que vale a pena viajar dentro do próprio país:

- O Metro chega do lado esquerdo.
- Uma torrada é pão de forma com manteiga. Se for com uma carcaça ou com uma fatia de outro pão chama-se um pão aquecido com manteiga, não é uma torrada.
- Os peões nas passadeiras têm a prioridade de correrem para salvar a sua vida.
- Os pombos não se importa de chocar com as pessoas.
- Existe um sotaque Lisboeta que os Portuenses juram que identificam claramente.
- Há um mini-curso de anatomia patológica que se realiza todos o anos no Verão, onde se assiste a uma autópsia. Toda a gente se pode inscrever e fica sempre esgotado.
- Os computadores da Macintosh são uma porcaria (isto não tem directamente a ver com o Porto mas sim com o facto de me terem dado um para trabalhar).

Para a semana juro que já tenho fotos originais do Porto através dos meus olhos. Bom FIM DE SEMANA!!!

3 comentários:

Ana disse...

:) adorei. como eu entendo a história do sotaque! vivi aí vinte anos e era da praxe. havia sempre alguém a dizer que a minha pronúncia era do sul, mas como vivia no Porto "perdoavam-me". quando voltei para Lisboa "perdoavam-me" ter vivido no Porto, por ter nascido cá :)) bjs de luz

Irina disse...

Eh pá, curti essa do curso de anatomia patológica aberto ao público se esgotar. Isso mostra que os portuenses sofrem eles próprios de alguma coisa patológica... Autopsiar cadáveres no verão em vez de ir engatar miúdas para a praia não me parece um passatempo saudável. O freud havia de encontrar uma explicação fascinante para isso mas eu não arrisco a formular nenhuma. Tem cuidado, não vão eles abrir um curso de vivissecção e te achem um bom sujeito de estudo. bjokinhas :I

Heliocoptero disse...

LOL! Isto merecia uma entrada com o nome de «Sabes que estás no Porto quando...» :p