Carbon Credit Air Race

Problema de matemática para a 3ª classe:
Quantas acácias terá que plantar 1 piloto da Red Bull Air Race para equilibrar a sua pegada ecológica, tendo em conta que há corridas anuais em Abu Dhabi, San Diego, Detroit, Roterdão, Londres, Budapeste, Porto e Perth, se contarmos só as deslocações das pessoas entre estas cidades, não incluindo as piruetas e o transporte dos aviões?

De acordo com o site da Carbon Credit Agency (de origem inglesa -link) em cada viagem da TAP Terceira-Lisboa para ver a família faço 3 389 km e sou responsável pela libertação de 0,35 ton de CO2.
De acordo com o mesmo site, posso eliminar este peso da minha pegada ecológica anual realizando uma das seguintes acções a) gastar 6,69 € para financiar projectos de reflorestação; b) gastar 7, 35 € para apoiar empreendimentos de construção de energias renováveis ou c) doar 11,29 € a projectos das Nações Unidas envolvendo energias renováveis ou sequestração de carbono.
Também posso saltar por cima dos cálculos de créditos de carbono e ir directa ao site da Tree Nation [link], onde posso escolher desde a plantação de uma Acácia (8 €) até a de uma Adansonia digitata (75€). Ou encomendar directamente uma mata de Acácias por 250€. O local da plantação depende da espécie escolhida e das necessidades de reflorestação.

Se quiser actuar mais perto, posso-me juntar à iniciativa da PurePortugal Lda e doar 10 €, ajudando a garantir que será feita uma doação de 500 € pela empresa, destinada à plantação de àrvores em Portugal [link]:

Se me apetecer fazer menos ainda, posso, pelo menos, abster-me de assistir à Red Bull Air Race e em vez disso passar o dia 7 de Setembro na Casa da Horta [link], onde vai haver uma corrida de aviões de papel reciclado:

Mas fico a pensar... até que ponto compensa andarmos a compensar as emissões de CO2 indispensáveis a uma vida funcional se num único dia algumas alminhas conseguem emitir mais carbono do que uma pessoa poderia compensar numa vida inteira a plantar estacas?

4 comentários:

RUTE disse...

Uns esforçam-se sempre mais do que os outros...

Mas a consciência ecologica está a crescer. Valha-nos isso!

Contra factos não há argumentos e são notórias as alterações climáticas motivadas pelo excesso de CO2.

Podemos plantar árvores, optar por energias alternativas e até podemos deixar de comer carne. Temos de compensar as nossas emissões e as dos outros que continuam na ignorância.

Talvez um dia essas alminhas comecem a pensar... Talvez um dia sejamos muitos a pensar deste modo...

Eu não me arrependo de fazer a minha quota parte e quando possivel faço mais um bocadinho. Sei que não é justo, mas se todos fizermos mais um bocadinho talvez consigamos melhorar o mundo.

Rui Figueiredo Vieira disse...

Sabe porque é que este Blog é tão bom? Porque me faz pensar cada vez que ca entro. Alguns espaços servem para nos divertir, outros, poucos para nos fazer pensar. Adoro este Blog. Perfeito.

Rita disse...

ena rui...obg:)

braindead disse...

Como disseram a Rute e a Rita existem várias formas de minorar as emissões de CO2, mas infelizmente cada vez mais o tempo escasseia...e segundo estudos se não conseguirmos estabilizar a concentração de CO2 em 400ppm até 2015 e desta forma evitar o desenrolar do ciclo carbónico que pode levar um aumento da temperatura que pode chegar aos 6ºC, tornando em grande parte a vida inviável na terra, apenas medidas de alguns podem não chegar para atingir esse objectivo. São cada vez mais necessárias medidas globais que nos envolvem a todos sem excepção. Continua com essa alegria e vontade de tornar o mundo um pouco melhor expresso no teu blog.